fbpx

Será que eu tenho crises de ansiedade?

Será que eu tenho crises de ansiedade?

PSICÓLOGA
CLAUDIA MACHADO

CRP: 07/27768 Especialista em terapia familiar Atende criança, adulto e idoso.

“Será que eu tenho crises de ansiedade?”

Com frequência chegam para psicoterapia, pacientes com essa dúvida, querendo entender o que está acontecendo. Muitos já passaram por avaliação médica, na qual não foi identificada alguma patologia que justificasse os sintomas. Os sintomas da crise de ansiedade muitas vezes levam o indivíduo a acreditar que tem uma doença grave e que vai morrer. O auxílio médico é muito importante para a investigação dos sintomas. No momento que é descartada qualquer ordem física que justifique essas sensações relatadas pelo paciente, podemos estar diante de um quadro emocional.

A ansiedade é uma reação natural que todas as pessoas experimentam diante de algumas situações do dia a dia, porém para muitas pessoas esta reação é vivenciada de forma mais frequente e intensa, podendo ser considerada patológica, comprometendo a saúde emocional.

aLGUNS SINTOMAS:

Sentir o coração disparar, enjoos, sensação de desmaio, embora raramente ocorra o desmaio, mas a sensação de perder o controle do corpo pode ocorrer com frequência, sentir uma certa confusão mental, onde não consegue pensar de forma lógica, nem compreender o que está acontecendo.

As crises de ansiedade são caracterizadas por uma grande sensação de insegurança, descontrole e medo, indo além de perigos reais. De acordo com a frequência e intensidade dessas crises o profissional da saúde mental irá avaliar se existe a possibilidade do indivíduo estar com transtorno do pânico, que é outra dúvida frequente. Abordaremos este tema no próximo informativo.

Em relação ao tratamento, a psicoterapia auxilia a entender a ansiedade e as possíveis causas das crises,a identificar os gatilhos que são ativados, a buscar em si os recursos necessários para minimizar os sintomas, recuperar o  autoconhecimento e autoconfiança.

Adquirir um plano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *